Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Pesquisa e Desenvolvimento
Início do conteúdo da página

Pesquisa e Desenvolvimento

Não há artigos nesta categoria. Se há subcategorias mostradas nesta página, elas podem conter artigos.

Subcategorias

  • Catálise e processos químicos
  • Corrosão e Degradação
  • Energia
  • Engenharia de Avaliações e de Produção

    A Divisão de Ensaios em Materiais e Produtos (DEMP) realiza projetos de pesquisa e desenvolvimento tecnológico e serviços técnicos especializados principalmente nas áreas de Saúde, Segurança, Petróleo e Gás e Componentes Eletrônicos. Os principais temas envolvem a utilização de materiais metálicos para aplicações como produção de petróleo e gás, implantes cirúrgicos ortopédicos e dentais, ensaios de produtos inseridos no Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade (SBAC), e outras aplicações da indústria em geral, envolvendo também análise fractográfica de falha de componentes metálicos, análise automática de imagens e microscopia eletrônica.

    Para o futuro, o objetivo é ampliar as atuações nas áreas de biomateriais (implantes cirúrgicos ortopédicos e dentais), e dispor de um laboratório completamente capacitado para realizar ensaios/avaliações da maioria dos tipos de implantes  

    Ampliar a infra-estrutura laboratorial e o escopo de acreditação para abranger outros produtos da área médico-hospitalar inseridos no Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade.

    Ser um dos laboratórios de referência do Brasil na área de Saúde

    Operar no NUMAT, em parceria com a Divisão de Corrosão, em tecnologia dos materiais para aplicação na indústria do petróleo e gás com equipamentos modernos de microscopia ótica e eletrônica

    Na área de segurança o objetivo é, gradualmente, de acordo com a demanda da sociedade, ampliar a gama de ensaios para produtos de segurança de certificação compulsória.

    Atuar na área de materiais metálicos nanoestruturados, considerada estratégica para o Laboratório, a Divisão e o Instituto como um todo.

     

    PETROLEO E GÁS

    Com a expansão do setor petrolífero, em especial da Bacia de Campos que responde por 80% da produção nacional, o INT teve um significativo aumento na demanda por ensaios e serviços tecnológicos, bem como projetos de P&D, não só para a PETROBRAS e suas subsidiárias, como também para suas empresas fornecedoras.

    Assim com recursos da FINEP e da Petrobras está sendo construindo um Núcleo Tecnológico no INT visando a inovação, o desenvolvimento tecnológico e ensaios especializados aplicados à indústria do petróleo, gás natural e biocombustíveis, no que tange à caracterização e avaliação de desempenho de materiais de modo a atender às demandas da Petrobras, subsidiárias e fornecedores, no País e especialmente no Estado do Rio de Janeiro. Esse Núcleo Tecnológico é gerenciado pela Divisão de Corrosão e Degradação – DCOR em parceria com a Divisão de Ensaios de Materiais e de Produtos – DEMP, que frequentemente desenvolvem trabalhos juntos os quais tem gerado vários artigos publicados em revistas internacionais.

     

    DISPOSITIVOS E COMPONENTES ELETRÔNICOS

    A partir de 2004 o INT passou a atuar no âmbito Rede de Tecnologia e Serviços de Qualificação e Certificação em Tecnologia da Informação - Rede TSQC, coordenada pelo CTI e com a participação do CTA, INPE, INT, IPT, ITA, TUV e Softex, cuja finalidade é oferecer serviços tecnológicos de qualificação e certificação de processos e produtos de hardware e software na área de TI (eletrônica, informática e telecomunicações), contribuindo assim para superar as barreiras técnicas que dificultam uma maior participação das empresas nacionais nos mercados interno e externo.

    A Rede TSQC atualmente desenvolve projetos na área de avaliação da conformidade de placas (SAC-PCI) e componentes eletrônicos (SAC-CE). As Instituições da Rede TSQC se candidataram, individualmente, a participar da 1ª etapa do “SIBRATEC – Serviços Tecnológicos”. A Rede TSQC foi eleita com um dos temas do edital, e na segunda fase da chamada, apresentou seus novos projetos, na área de certificação de produtos eletrônicos ambientalmente corretos e produtos de software, que estão em fase de avaliação.

     

    P&D

    Desde 1995 o INT em parceria com a área de metrologia científica do INMETRO e com a PUC/Rio, vem desenvolvendo materiais de referência para medições de Dureza, pois ainda não existe esse tipo de material no Brasil.

    Os blocos padrão de dureza são materiais de referência certificados, utilizados para calibrar máquinas de medição de dureza, sendo sua utilização essencial no controle e na garantia da qualidade dos processos de produção no setor metal-mecânico. Os resultados obtidos com os referidos projetos foram bastante satisfatórios, e resultaram em interesse da Mitutoyo de produzir e comercializar os blocos desenvolvidos, cujo contrato para transferência de tecnologia foi assinado no final de 2002.

    Atualmente a DEMP está finalizando Projeto de desenvolvimento de cilindros de liga de alumínio para acondicionamento e transporte de gás natural, em parceria com a White Martins, contando com a colaboração da DCOR e da DIEN, iniciado em 2005 e com conclusão prevista para 31 de agosto de 2010.

    Outro projeto, este em fase inicial, é o de desenvolvimento de titânio nanoestruturado para aplicação em implantes cirúrgicos ortopédicos e dentais, em parceria com o PEMM/COPPE/UFRJ e contando com a colaboração da DPCM e da DCOR. Início previsto para julho de 2010 e conclusão prevista para junho de 2012.

    Os trabalhos desenvolvidos nos laboratórios da Divisão têm gerado diversos artigos publicados em revistas internacionais da área de ciência e engenharia de materiais metálicos, destacando-se os periódicos Praktische Metallographie (Practical Metallography), Materials Characterization, Engineering Failure Analysis, Journal of Failure Analysis and Prevention, Journal of Iron and Steel Research e Recent Patents on Materials Science.

     

  • Ensaios em Materiais e Produtos

    A área de Ensaios em Materiais e Produtos (DEMP) realiza projetos de pesquisa e desenvolvimento tecnológico e serviços técnicos especializados principalmente nas áreas de saúde, segurança, petróleo e gás e componentes eletrônicos. Os principais temas envolvem a utilização de materiais metálicos para aplicações como: produção de petróleo e gás, implantes cirúrgicos ortopédicos e dentais, ensaios de produtos inseridos no Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade (SBAC). E ainda outras aplicações da indústria em geral, envolvendo também análise fractográfica de falha de componentes metálicos, análise automática de imagens e microscopia eletrônica.

    Para o futuro, os objetivos são:

    > ampliar as atuações nas áreas de biomateriais (implantes cirúrgicos ortopédicos e dentais) e dispor de um laboratório completamente capacitado para realizar ensaios/avaliações da maioria dos tipos de implantes.

    > ampliar a infra-estrutura laboratorial e o escopo de acreditação para abranger outros produtos da área médico-hospitalar inseridos no Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade (SBAC).

    > ser um dos laboratórios de referência do Brasil na área de Saúde

    > operar no Núcleo de Caracterização e Avaliação de Desempenho de Materiais e Componentes Metálicos Empregados na Indústria de Petróleo (Numat), em parceria com a Divisão de Corrosão, em tecnologia dos materiais para aplicação na indústria do petróleo e gás com equipamentos modernos de microscopia ótica e eletrônica

    Na área de segurança, os objetivos são:

     > ampliar a gama de ensaios para produtos de segurança de certificação compulsória, gradualmente de acordo com a demanda da sociedade.

    > atuar na área de materiais metálicos nanoestruturados, considerada estratégica para o Laboratório, a Divisão e o Instituto como um todo.

     

    PETROLEO E GÁS

    Com a expansão do setor petrolífero, em especial da Bacia de Campos que responde por 80% da produção nacional, o INT teve um significativo aumento na demanda por ensaios e serviços tecnológicos, bem como projetos de P&D, não só para a PETROBRAS e suas subsidiárias, como também para suas empresas fornecedoras.

    Assim com recursos da FINEP e da Petrobras está sendo construindo um Núcleo Tecnológico no INT visando a inovação, o desenvolvimento tecnológico e ensaios especializados aplicados à indústria do petróleo, gás natural e biocombustíveis, no que tange à caracterização e avaliação de desempenho de materiais de modo a atender às demandas da Petrobras, subsidiárias e fornecedores, no País e especialmente no Estado do Rio de Janeiro. Esse Núcleo Tecnológico é gerenciado pela Divisão de Corrosão e Degradação – DCOR em parceria com a Divisão de Ensaios de Materiais e de Produtos – DEMP, que frequentemente desenvolvem trabalhos juntos os quais tem gerado vários artigos publicados em revistas internacionais.

     

    DISPOSITIVOS E COMPONENTES ELETRÔNICOS

    A partir de 2004 o INT passou a atuar no âmbito Rede de Tecnologia e Serviços de Qualificação e Certificação em Tecnologia da Informação - Rede TSQC, coordenada pelo CTI e com a participação do CTA, INPE, INT, IPT, ITA, TUV e Softex, cuja finalidade é oferecer serviços tecnológicos de qualificação e certificação de processos e produtos de hardware e software na área de TI (eletrônica, informática e telecomunicações), contribuindo assim para superar as barreiras técnicas que dificultam uma maior participação das empresas nacionais nos mercados interno e externo.

    A Rede TSQC atualmente desenvolve projetos na área de avaliação da conformidade de placas (SAC-PCI) e componentes eletrônicos (SAC-CE). As Instituições da Rede TSQC se candidataram, individualmente, a participar da 1ª etapa do “SIBRATEC – Serviços Tecnológicos”. A Rede TSQC foi eleita com um dos temas do edital, e na segunda fase da chamada, apresentou seus novos projetos, na área de certificação de produtos eletrônicos ambientalmente corretos e produtos de software, que estão em fase de avaliação.

     

    P&D

    Desde 1995 o INT em parceria com a área de metrologia científica do INMETRO e com a PUC/Rio, vem desenvolvendo materiais de referência para medições de Dureza, pois ainda não existe esse tipo de material no Brasil.

    Os blocos padrão de dureza são materiais de referência certificados, utilizados para calibrar máquinas de medição de dureza, sendo sua utilização essencial no controle e na garantia da qualidade dos processos de produção no setor metal-mecânico. Os resultados obtidos com os referidos projetos foram bastante satisfatórios, e resultaram em interesse da Mitutoyo de produzir e comercializar os blocos desenvolvidos, cujo contrato para transferência de tecnologia foi assinado no final de 2002.

    Atualmente a DEMP está finalizando Projeto de desenvolvimento de cilindros de liga de alumínio para acondicionamento e transporte de gás natural, em parceria com a White Martins, contando com a colaboração da DCOR e da DIEN, iniciado em 2005 e com conclusão prevista para 31 de agosto de 2010.

    Outro projeto, este em fase inicial, é o de desenvolvimento de titânio nanoestruturado para aplicação em implantes cirúrgicos ortopédicos e dentais, em parceria com o PEMM/COPPE/UFRJ e contando com a colaboração da DPCM e da DCOR. Início previsto para julho de 2010 e conclusão prevista para junho de 2012.

    Os trabalhos desenvolvidos nos laboratórios da Divisão têm gerado diversos artigos publicados em revistas internacionais da área de ciência e engenharia de materiais metálicos, destacando-se os periódicos Praktische Metallographie (Practical Metallography), Materials Characterization, Engineering Failure Analysis, Journal of Failure Analysis and Prevention, Journal of Iron and Steel Research e Recent Patents on Materials Science.

  • Inovação Tecnológica

    Acervo

    > Periódicos nacionais e estrangeiros
    > Livros nacionais e estrangeiros
    > Teses
    > Dissertações
    > Normas técnicas nacionais e estrangeiras
    > Memória técnica e científica do INT

  • Processamento e Caracterização de Materiais
  • Química Analitíca
  • Desenho Industrial

    Equipamentos

    Laboratório de Ergonomia (Laber)

    > Scanner 3D a laser de Corpo Humano                                    

    > Scanner 3D laser de Cabeça        

    > Sistema de Captura de Movimento por sensores eletromagnéticos     


    Laboratório de Motores (Lamot)

    > Scanner 3D Portátil Colorido                              

    > Impressora 3D Objet Connex350

    > Impressora 3D Viper SI

    > Impressora 3D FDM Vantage i

    > Impressora 3D ZCorp 510

    > Fresadora CNC de médio porte   

    > Fresadora CNC de grande porte

    > Braço digitalizador

    > Vacuum Forming

     

Fim do conteúdo da página