Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Medalha de mérito da ABM é entregue pela primeira vez a uma mulher
Início do conteúdo da página
Notícias

Medalha de mérito da ABM é entregue pela primeira vez a uma mulher

Publicado: Terça, 02 de Outubro de 2018, 13h18

A engenheira Iêda Caminha, do INT, recebe a honraria máxima da área de Metalurgia, Materiais e Minerais.

Iêda Caminha recebe a Medalha de Mérito da ABM.

Hoje (2/10), em São Paulo/SP, na cerimônia de abertura da ABM Week 2018 – principal encontro técnico-científico da América Latina nas áreas de metalurgia, materiais e mineração – a vice-diretora do Instituto Nacional de Tecnologia (INT), Iêda Maria Vieira Caminha, recebeu a “Medalha de Mérito ABM”. Honraria máxima da Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração (ABM), promotora do evento, a premiação é conferida desde 1944 alternadamente a pessoas físicas e jurídicas, sendo a primeira vez que contempla uma mulher.

Ao receber a Medalha de Honra da ABM, Iêda Caminha fala ao público da ABM Week 2018."Agradeço ao presidente executivo e ao Conselho de Administração da ABM pela indicação, e partilho esta medalha com todas as mulheres que participaram e participam ativamente da ABM", retribuiu a engenheira metalúrgica, que também ocupa o cargo de diretora da Regional Rio da Associação, atualmente, em seu quarto mandato.

A premiação da ABM destaca profissionais e instituições que trabalham dia após dia pela difusão do conhecimento, pelo intercâmbio tecnológico e pelo desenvolvimento dos setores de atuação da Associação. Em seu discurso de agradecimento, Iêda Caminha relatou o início da sua carreira, em 1976, no INT, onde então funcionava a Regional Rio da ABM, e sua formação na PUC-Rio, atribuindo às três instituições a sua contribuição pessoal ao desenvolvimento tecnológico brasileiro. A engenheira, com doutorado na área de Metalurgia e Materiais, também deixou uma mensagem de otimismo aos estudantes presentes em grande número a esta edição do evento, afirmando que "através da engenharia poderemos levar o Brasil à independência tecnológica e superar a crise".

A ABM Week prossegue até quinta-feira (4), no Centro de Eventos Pro Magno, em Casa Verde, na Zona Norte de São Paulo.

 

Trajetória

Graduada em Engenharia Metalúrgica pelo Departamento de Ciência dos Materiais e Metalurgia da PUC-Rio (1984), Iêda Maria Vieira Caminha possui mestrado e doutorado em Engenharia Metalúrgica e de Materiais também pela PUC-Rio (1990 e 2000, respectivamente). Iniciou sua carreira no Instituto Nacional de Tecnologia (INT)  em 1976, atuando na Divisão de Metalurgia na função de técnica química até 1984, quando passou a atuar como engenheira.

De 1990 a 1993, atuou no Laboratório de Tecnologia de Pós, desenvolvendo projetos na área de metalurgia do pó. Em 1993, iniciou sua atuação no Laboratório de Metalografia e de Dureza, sendo gerente da qualidade e gerente técnica substituta do Laboratório de 1995 a 2007. Atua em projetos de pesquisa envolvendo materiais metálicos e na elaboração de pareceres técnicos no que se refere à caracterização de materiais metálicos envolvendo ensaios metalográficos, ensaios mecânicos, e análise de falhas, em atendimento à demanda do setor metal-mecânico.  Foi líder do grupo de pesquisa ” Caracterização e Processamento de Materiais Metálicos”, registrado no Diretório dos Grupos de Pesquisa no Brasil-CNPq de 2002 a 2008.

De 2008 a 2010 foi coordenadora técnica da Rede Multicêntrica de Avaliação de Implantes Ortopédicos 2008 a 2010 e de  2011 a 2015  coordenou a Rede SIBRATEC Produtos para a Saúde, tendo publicado ao longo de sua carreira 82 artigos em congressos nacionais e internacionais, 19 artigos em revistas indexadas internacionais e participado de 28 projetos de pesquisa e desenvolvimento tecnológico.

De 2001 a 2008 atuou como chefe substituta da Divisão de Ensaios de Materiais e Produtos (DEMP) do INT, e de 2006 a 2012 participou da Direção do Instituto, atuando como vice-coordenadora de Desenvolvimento Tecnológico de 2006 a 2007, coordenadora de Engenharias de 2007 a 2012,  atuando ainda como vice-coordenadora de  Tecnologias Aplicadas de 2007 a 2011.

Em Julho de 2017 assumiu a Coordenação de Negócios e em Outubro de 2017 foi nomeada Vice-Diretora do INT. Atua ainda como diretora da Regional  Rio de Janeiro da Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração -ABM , mandato 2017-2019.

Premiações e reconhecimentos anteriores

1990 - Prêmio de reconhecimento técnico Paulo Lobo Peçanha, concedido pela Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração - ABM.

2010 - Diploma de Mérito de Engenheira Metalurgista concedido pelo CREA RJ.

2016 - Homenagem do Ministério da Ciência , Tecnologia e Inovações - MCTIC às Mulheres  na Ciência, representando o Instituto Nacional de Tecnologia-INT.

2017 - Prêmio de reconhecimento  técnico Aperam South America , concedido pela Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração - ABM.

2018 - Medalha de Mérito ABM, concedida pela Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração - ABM à pessoa física que tenha contribuído de forma relevante para o desenvolvimento das áreas de atuação da ABM e à própria entidade, sendo a primeira vez na história da Associação  que a medalha será concedida a uma mulher.

Fim do conteúdo da página