Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > TERÇA TECNOLÓGICA: novos usos e propriedades da semente do açaí
Início do conteúdo da página
Notícias

TERÇA TECNOLÓGICA: novos usos e propriedades da semente do açaí

Publicado: Terça, 27 de Fevereiro de 2018, 10h51

Rica em antioxidantes e em oligossacarídeos, a semente de açaí pode ser fonte para produtos de alto valor para as indústrias de cosméticos, alimentos e até para a geração de energia em regiões remotas do Brasil. A descoberta dessas propriedades rendeu à bioquímica Ayla Sant'Ana da Silva, tecnologista da área de Catálise e Processos Químicos do Instituto Nacional de Tecnologia (INT), a escolha do seu projeto para receber apoio do Instituto Serrapilheira, em seu primeiro edital de apoio à pesquisa. O trabalho também é tema da primeira palestra de 2018, no ciclo Terças Tecnológicas, que acontecerá no próximo dia 27 de março, às 14h30, no auditório do INT. As inscrições podem ser feitas gratuitamente pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Intitulado "Rotas biotecnológicas para conversão da semente de açaí em energia e produtos com alto valor agregado", o projeto de Ayla Sant'Ana partiu de sua constatação sobre as propriedades da semente do açaí, que é descartada na produção da polpa de açaí, ainda que corresponda a 90% do fruto. Segundo dados do IBGE, a produção anual de açaí hoje equivale a 1,3 milhões de toneladas, o que resulta em cerca de 1 milhão de toneladas de sementes jogadas fora, causando ainda um grave problema ambiental.

"A ideia sobre o uso da semente do açaí surgiu a partir da constatação desse acúmulo de biomassa em grandes proporções na Região Amazônica, um tema quase desconhecido em grande parte do Brasil, o que despertou meu interesse para este material" – relata a pesquisadora.

Ao investigar o tema, no Laboratório de Biocatálise do INT, Ayla não encontrou informações consistentes na literatura científica e pôs-se a estudar a semente. Descobriu então que, ao contrário da cana-de-açúcar, o caroço do açaí tem pouquíssima celulose, não sendo compatível com aquelas rotas tecnológicas já usadas no laboratório. Em compensação, se mostrou riquíssimo em manose, um açúcar incomum encontrado em alguns vegetais, geralmente em baixa quantidade. Por fim, a tecnologista ainda identificou a possibilidade de extrair um licor vermelho da semente, com grande concentração de antioxidantes.

Constatadas essas propriedades, o projeto utilizará as sementes de açaí como matéria-prima para produtos de alto valor agregado para as indústrias de cosméticos e alimentos. Em outra vertente, o trabalho estuda o uso dessa biomassa residual, acumulada no Norte do Brasil, como alternativa para produção de energia para pequenas comunidades distantes que não têm acesso a centros de distribuição de eletricidade. Esta solução envolve um método biológico para converter a semente em energia usando bactérias que transformam açúcares em hidrogênio e metano, tipos de biogás com alto valor energético. Mesmo com um custo relativamente alto, a produção de energia associada à obtenção de outros produtos de alto valor pode viabilizar economicamente todo o processo.

> O ciclo Terças Tecnológicas é voltado para estudantes de graduação e pós-graduação, apresentando projetos desenvolvidos pelo Instituto Nacional de Tecnologia e seus parceiros. O objetivo do INT com o evento é estimular o debate e a interação entre tecnologistas e o público universitário, divulgando tecnologias inovadoras para a sociedade.

Serviço:

Terças Tecnológicas - 2018

Tema: Semente de açaí: Biotecnologia para geração de energia e novos produtos

Palestrante: Ayla Sant'Ana (tecnologista do Laboratório de Biocatálise do INT, doutora em Bioquímica)

Data: 27 de março

Horário: 14h30 às 16h30

Local: Auditório Fonseca Costa / Instituto Nacional de Tecnologia

(Av. Venezuela, 82/4º andar - Praça Mauá - Rio de Janeiro)

Inscrições gratuitas: email para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., com nome completo e instituição.

Os inscritos têm direito a certificado de participação.

 

3as tecnologicas 2018 Açai apoio Serrapilheira

Fim do conteúdo da página