Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Ideias & Tendências: L'Oréal investe em inovação no Brasil
Início do conteúdo da página
Notícias

Ideias & Tendências: L'Oréal investe em inovação no Brasil

Publicado: Terça, 19 de Dezembro de 2017, 10h24

Diretora de inovação da L'Oréal destaca aumento das pesquisas da empresa no Brasil

A diretora científica Cristina Garcia fala sobre o histórico de inovação da L'Oréal para o público do INT.

 A Inovação está no foco da L'Oréal Brasil. Essa percepção foi transmitida ao público que ocupou grande parte dos lugares do auditório do Instituto Nacional de Tecnologia (INT), no dia 13 de dezembro, para assistir a palestra da  engenheira química Cristina Garcia, diretora científica e de assuntos regulatórios da L’Oréal Brasil. Intitulada "A Ciência no DNA de uma empresa de Beleza: L'Oréal, mais de 1 século de Pesquisa e Inovação", a apresentação integrou o ciclo Ideias & Tendências, destinado a trazer ao INT pesquisadores, dirigentes e executivos de renome no campo da Inovação.

O Centro de Pesquisa & Inovação da L'Oréal, inaugurado no dia 24 de outubro, na Ilha de Bom Jesus, na área da Ilha do Fundão, no Rio de Janeiro, foi destaque entre os temas abordados. A nova estrutura compreende laboratórios de formulação de produtos e salões para testes de beleza e estética da área de Consumer & Market Insights (CMI) destinada à análise de opiniões dos consumidores.

Segundo Cristina Garcia, a empresa não possui ainda no Brasil laboratórios para pesquisas avançadas, mas está aberta a associações com centros de pesquisas. A proximidade do INT com o novo centro de pesquisa foi apontada pela diretora científica como uma oportunidade para essa parceria específica, que já teve sucesso na conclusão de um projeto da empresa junto a Unidade Embrapii INT. O relato ensejou o convite, por parte da coordenadora de Negócios do INT, Iêda Caminha, para que representantes de áreas de pesquisa da L'Oréal participem de um Innovation Day no Instituto, a ser programado para o primeiro semestre de 2018.

2017 12 13 ideias tendencias Amanda Oliveira 17w

Focada em inovar desde sua criação, na França, em 1907, quando lançou no mercado a primeira tinta de cabelo não tóxica, a L'Oréal atua com pesquisa e inovação no Brasil, desde 2008. Líder mundial em cosméticos, a empresa já possui 473 patentes e, a cada ano, cria 7 mil formulações e investe uma média de 794 milhões de euros em pesquisas. As investigações científicas da L'Oréal já culminaram, em 1979, com a descoberta da pele humana artificial, que possibilitou o uso de metodologias alternativas a testes em animais e deu importante passo às pesquisas na área de engenharia tecidual.

Hoje a L'Oréal possui 23 centros de pesquisa e sete hubs regionais de inovação, incluindo este e outros espalhados pela França, Japão, Estados Unidos, Índia, China e África do Sul. Com o objetivo de aumentar o conhecimento em cabelo, pele e cores integrando sua missão, a empresa encontrou no Brasil um importante campo para testes, por conta da variedade de etnias presentes no país. "Somado a isso o país tem em sua grande biodiversidade uma oportunidade reconhecida de inovação associada ao desenvolvimento sustentável, que vem sendo uma das ênfases da empresa", relatou Cristina Garcia.

A diretora de inovação também destacou os investimentos da L'Oréal na área digital, que se comunicam com a área de pesquisa na interface dos produtos com os consumidores.  Citou como exemplos de trabalhos nessa área o desenvolvimento de aplicativos de reconhecimento facial voltados para escolha de maquiagem e para a detecção da exposição a raios UV na pele.

Cristina Garcia lembrou ainda do primeiro programa dedicado a mulheres cientistas no mundo, o For Women in Science, promovido há 12 anos no Brasil pela L’Oréal, em parceria com a UNESCO e a Academia Brasileira de Ciências (ABC). A iniciativa visa reconhecer o trabalho de jovens cientistas mulheres de todas as áreas da ciência, estimulando a presença feminina no ambiente científico.

 email IT INT 14

Fim do conteúdo da página